terça-feira, 17 de junho de 2014

Te Amei Demais...













4 comentários:

  1. Ah Ana, que a certeza desse amor tão lindo abrande essa dor tão gigante, essa sensação de estar partida em mil...
    Passei por isso ano passado e conheço bem essa sensação de falta, de impotência... esse vazio que ultrapassa com tanta violência a nossa alma...
    Que os anjos cuidem de ti, porque dela estão, pode ter certeza...
    E que no fim, todo o amor de vocês ( que foi gigante) curem esse tempo de afastamento.

    Um grande abraço... Fica com Deus...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Lucy mara. Foi gigante, e tenho certeza de que eu fiz por ela tudo o que podia fazer. Não economizei nem tempo nem dinheiro. Tive que cancelar várias aulas, pois ela estava em primeiro lugar sempre. Deixei de sair, viajar, não ficava muitas horas fora de casa. Mas não me arrependo de nenhum segundo que passei ao lado dela, dos cuidados, de tudo o que fizemos... meu marido também. Por enquanto, a dor é grande demais. Ela anda por essa casa ainda. Na garagem, voam tufinhos de pelo. No quintal, marcas de onde ela costumava deitar-se, a grama falhada. Na sala de estar, marcas das patinhas dela. Os remédios, vasilhas, comida e colchãozinho, já doei. Só não posso livrar-me desta dor, ainda.

      Excluir
  2. Ana, é muito triste essa perda. Mesmo com todo cuidado e tratamento chega o momento e não adianta mais nada. Sei bem o que é perder animais de estimação. A Luna se foi há 4 anos e parece que ainda está por aqui, as vezes penso que ela chega, sinto a presença. Hoje deixei uma mensagem in box no Face para você, mas só o tempo vai consolar um pouco seu coração. Pense apenas que ela não sofre mais e viveu o que tinha que viver e bem, foram momentos felizes a seu lado Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Marilda. Esta madrugada - força do hábito - acordei com o coração aos pulos, ouvindo ela tossir.

      Excluir

Cerejeira em Festa